quinta-feira, junho 23, 2011

Encontro com o destino.


  Lá estava ela, sentada no banco de uma praça. Sozinha. Pensativa. Até que ele, um rapaz robusto, bonito, charmoso, a olha e sorri, e a traz de volta a terra. Ela olha pra ele sem graça. Ele a encara fixamente. Ela sorri sem jeito e abaixa a cabeça. Quando levanta a mesma, ele não mais está perto dela, ela só o avista indo embora. Ela nunca havia visto aquele rapaz, e apenas em uma troca de olhares ele transmitiu tanta paz. Ela sorriu e imaginou que ele era apenas um presente do destino com a missão de afastar de sua mente aqueles pensamentos terríveis que ela vinha tendo a algum tempo.
  Ela pensou que depois daquele dia, nunca mais veria aquele rapaz com cara de anjo. Enganou-se. No dia seguinte ao chegar em casa, ela ligou seu computador e abriu sua página de relacionamentos no orkut.  E logo avistou uma solicitação de amizade. Não tinha foto, então ela rejeitou a solicitação. Não costumava adicionar desconhecidos. Passado alguns dias, quando estava usando seu msn, uma janela se abriu, uma nova solicitação de amizade. Não conhecia aquele e-mail, mas poderia ser um novo de alguém conhecido, afinal ela não saía distribuindo seu endereço a qualquer pessoa. Acabou aceitando aquela solicitação. Menos de um minuto depois, a sua janela de conversação estava piscando. Era um desconhecido com o pseudônimo "SR. DESTINO" , dono do email que ela acabara de aceitar como amigo. Abriu a janela, e nela estava escrito: "Não paro de pensar em você, desde o primeiro dia em que nos vimos". Quando ela ia perguntar quem era, se ela o conhecia, o "SR. DESTINO" saiu do msn. No outro dia ela entrou no msn como de costume, e novamente a janela de conversação piscou. Era ele. Ele escreveu: "Já estava com saudades. Queria tanto poder te ver novamente". Mas quando ela perguntou de onde ele a conhecia, ele ficou indisponível novamente. Todo santo dia era assim, ela abria o msn, e lá estavam escritas coisas cada vez mais lindas, mas ele nunca se identificava verdadeiramente... Até que ela se cansou daquele joguinho, estava curiosa demais para manter aquela brincadeira de esconde- esconde. Ficou vários dias sem abrir o seu msn.
   Tendo passado muitos dias, ela imaginou que ele não mais a escreveria. Novamente estava enganada. Assim que ela ficou disponível para conversas, ele escreveu: "Não some assim senão eu morro de saudade". E ela escreveu: "Não quero mais compactuar com seu joguinho. Não sei quem você é. E você parece não estar disposto a me dizer. Então me deixa em paz!". Ele perguntou: "Estou tirando sua paz? Pois então me perdoe, essa nunca foi a minha intenção. Queria o contrário, queria ser tua paz, sua alegria. Não gostaria de ver seu rosto triste novamente. Muito menos por culpa minha". Ela perguntou: "Novamente? Como assim? Então você me conhece mesmo? Mas de onde?". Ele disse: " Não. Não a conheço, só a vi uma vez. Mas gostaria muito te poder te conhecer. E você, não tem curiosidade de saber quem sou?". Ela respondeu rapidamente: "Claro! Mas só por curiosidade mesmo".  "Então vamos nos encontrar, você topa, um encontro amigável?". "Com uma condição". Ela disse. "Okay. E qual seria essa condição?". "Uma foto, me manda uma foto sua. Agora!". "Não, você me verá no dia do encontro". "Mas como vou te achar?". "Não se preocupe. Eu te encontro". Ela pensou alguns instantes, e respondeu: " Tudo bem, mas esse encontro tem que acontecer num local público". "Está com medo de mim?". "Não, não é isso... é que...". " Você não me conhece. Você está certíssima. Linda e inteligente. Que tal a praça onde fica uma sorveteria chamada sonho? Sabe onde fica?". "Sei sim". Então combinaram o dia e o horário e se despediram. No dia combinado, ela chegou meia hora andiantada, tamanha a ansiedade. E esperou, esperou... e nada dele aparecer. Ela olhou o relógio e viu que já tinha se passado muito tempo, então decidiu ir embora. Quando levantou-se do banco, ouviu uma voz te pergutar: " Está fugindo do destino?".

                                                                          continua...

1 comentários:

Angela disse...

Amiga ta perfeito teu blog amei *-*

Postar um comentário